• Instituto de Longevidade Mongeral Aegon

Qual é o momento certo para investir na previdência privada?

Saber como aplicar o seu dinheiro no presente é fundamental para garantir um futuro tranquilo e com segurança financeira. Nesse contexto, muitas pessoas têm dúvidas sobre investir na previdência privada.

Seja qual for o modelo escolhido, é essencial fazer um planejamento financeiro e entender quais são suas possibilidades de investimento para o futuro. Desse modo, você terá informações sobre quando deve começar a investir, quais são as melhores oportunidades disponíveis e o valor que será acumulado ao longo do tempo.

Neste artigo, vamos entender o que vale a pena entre poupança ou previdência privada. Além disso, mostraremos os benefícios e a hora certa de investir no seu futuro. Continue a leitura!

Poupança ou previdência privada?

Antes de escolher uma das alternativas, é fundamental entender como cada uma funciona.

A poupança é um investimento com baixa rentabilidade, que muitos brasileiros utilizam para guardar dinheiro. O rendimento é baixo porque as reservas são usadas pelos bancos como fonte de empréstimos, sendo os juros dessas transações o que retorna para o investidor primário.

Por outro lado, a previdência privada pode ser considerada uma aposentadoria, porém ela não está ligada diretamente ao Sistema do Instituto do Seguro Nacional (INSS), o que é uma vantagem. Uma das vantagens dessa alternativa é que ela pode ser complementar à aposentadoria pública.

Que benefícios são obtidos com a previdência privada?

Essa modalidade de investimento apresenta alguns benefícios que devem ser ressaltados, sobretudo se você tem dúvida entre poupança ou previdência privada. Conheça os principais!

Planejamento sucessório

Uma das vantagens desse modelo é a possibilidade de repassar o dinheiro investido para outra pessoa, caso o proprietário faleça. Para que isso aconteça, é necessário o beneficiário esteja indicado no contrato. Essa opção é interessante para quem deseja garantir a segurança financeira da família.

Facilidade de investir

Muitos têm medo de entrar no mundo dos investimentos porque não conhecem como ele funciona. Nesse modelo, não é necessário entender sobre o mercado financeiro ou sobre finanças para aplicar o dinheiro. Quem realizará a administração dos fundos é o administrador do plano. Além disso, o rendimento, quando comparado, é maior do que o da poupança.

Compromisso mensal

A previdência privada é uma forma de conseguir poupar, principalmente se você não tem disciplina para organizar sua vida financeira. Ela está prevista no orçamento mensal da família, além de poder ser descontada na folha de pagamento, sendo, também, uma boa opção de aposentadoria para autônomos.

Qual é o melhor momento para investir na previdência privada?

Depois de conhecer alguns benefícios e entender que entre poupança ou previdência

privada, a segunda opção é melhor, é hora de entender qual é o melhor momento de investir nessa modalidade. Veja o que deve ser considerado!

Valor que deseja resgatar

Um dos primeiros pontos que devem ser analisados é o valor que você deseja resgatar.

Diferentemente do INSS, ao investir na previdência privada, você escolhe com quanto quer contribuir e com qual periodicidade vai fazer as aplicações. Esses valores vão definir qual será o montante resgatado no fim.

Quanto maior for o tempo de aplicação e quanto maiores forem também os recursos injetados, maior será o montante acumulado para a aposentadoria. Ao final do plano, quando desejar se aposentar, você poderá usufruir dos benefícios angariados. Por isso, calcule o valor que deseja e quanto quer investir por mês, para saber qual é o momento certo de começar.

Quando deseja se aposentar

Outro aspecto que deve ser considerado é quando você deseja se aposentar, afinal, a data definirá qual é o momento certo para começar a investir nessa modalidade de aposentadoria. Portanto, é interessante analisar a sua carreira e escolher a época na qual diminuir o ritmo e descansar.

Se o seu objetivo é se aposentar mais cedo, o investimento deve ser feito o mais rápido possível. Ainda que a intenção seja uma aposentadoria mais tardia, verifique se não vale a pena começar a investir valores menores e que não comprometam tanto a sua renda atual.

Quais são seus objetivos

Entender quais são seus objetivos para o futuro também é importante para saber qual é o momento ideal de iniciar o seu investimento. Algumas pessoas usam essa modalidade como uma renda complementar ao período de aposentadoria, ou seja, complementando o que é recebido do INSS.

Outros preferem resgatar o montante de uma vez para adquirir um imóvel ou ter mais recursos para aproveitar os anos de descanso. Seja qual for a escolha, é fundamental ter em mente qual será o destino do dinheiro, pois, dessa maneira, você utilizará os recursos de modo consciente e sem desperdícios.

Neste artigo, vimos se vale a pena investir na previdência privada, além de mostrar como entender o momento certo para começar o investimento. Para ter o retorno esperado, é essencial encontrar uma prestadora de seguros que seja confiável e que tenha boa reputação no mercado, além de oferecer melhores taxas e possibilidade de resgate.

Gostou das nossas sugestões sobre o tema? Então, faça uma simulação para descobrir agora mesmo que plano de previdência privada é o mais adequado para garantir sua independência financeira na terceira idade!

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo